A internet como instrumento de trabalho
Outubro 24, 2007, 11:58 am
Filed under: Ligações Amigas

Assim como para o ferreiro o martelo é um instrumento de trabalho fundamental no seu labor, também para todos aqueles que envolvidos estão na defesa e preservação da nossa estirpe e cultura a internet afigura-se como um utensílio incontornável e de extraordinária projecção na promoção e divulgação das nossas nobres ideias. A única coisa que importa para os activistas em rede é, à semelhança e em analogia com o ferreiro, saberem disferir devidamente as pancadas do martelo.

Alguns têm sabido manejar o martelo com mestria, sendo exemplo paradigmático os amigos da Legião Vertical que cumpriram o seu primeiro aniversário internético, presenteando quem os visita com uma inovadora e mística apresentação ao nível gráfico. Os meus parabéns!

Os companheiros identitários além-fronteira iniciaram há relativamente pouco tempo um projecto editorial denominado ID-press, que vem assim enriquecer o panorama mediático identitário ao juntarem-se dessa forma ao esforço exercido pela rede Novopress no estabelecimento de uma agência de notícias alternativa ao aparelho mediático existente.

Outra louvável iniciativa é o projecto iniciado por identitários italianos e que já se dissimenou por vários países europeus e não apenas e que se intitula Radio Bandiera Nera, uma emissora radiofónica via internet de cariz político e cultural e que conta com a sua interessantíssima congénere portuguesa Rádio Lusitânia Expresso. Fiquem atentos!

Sinal de que a área identitária cresce e consolida-se em território nacional comprova-se através desta página dedicada ao artesanato. Uma iniciativa que se inscreve numa tentativa efectiva de estabelecer uma contracultura, uma cultura alternativa à vigente, desenraizada e de tendência uniformizadora. Ofibel é um projecto a apoiar a auxiliar sem reservas.

Por fim, uma derradeira referência à realização para a primeira quinzena de Novembro da Convenção Identitária em França, mais precisamente na Borgonha, e cujo cartaz anuncia a presença da associação portuguesa Causa Identitária. Um evento promissor e que permite acalentar a esperança para o surgimento de uma real rede identitária europeia.