Bento XVI, soma e segue
Janeiro 17, 2007, 11:20 pm
Filed under: Hit Parade dos colaboracionistas

Figura de destaque no Hit Parade dos Colaboracionistas, Bento XVI, ferveroso zelador dos cânones emanados do Concílio Vaticano II, solicitou, por ocasião do Dia Mundial do Migrante e do Refugiado, aos governos europeus que adoptem medidas que favoreçam a migração regular e a reunificação familiar. Mais acrescentou a figura cimeira da instituição católica que os imigrantes devem ser respeitados e a imigração passar a ser vista “como um grande bem para a sociedade”. 

Consta que por esta última parte do discurso do Papa Bento XVI, o Pontífice que liga a humanidade a Deus, deverá ter de se haver com os ingleses de raíz de Birmingham, os franceses de cepa de Marselha ou com os portugueses que-não-de-BI do Cacém, da Amadora ou do Seixal, os quais estão extremamente frustrados, pois em mais de 30 anos de convivência (entenda-se, imposição) multirracial, não beneficiaram desse tamanho bem social…


8 comentários so far
Deixe um comentário

Quem sabe o que o Cristianismo significa de facto, não se admira nada com isso. Ao fim ao cabo, foi o Cristianismo que disseminou o vírus do internacionalismo apátrida militante.

Comentar por Caturo

Eu não me admiro nada caro amigo, admira-me é que no seio do rebanho de fieís, qual carneirada amestrada, os ditos nacionalistas cristãos não emitirem sequer um suspiro, porque, como se sabe, quem cala consente…

Comentar por arqueofuturista

Pero esto no tiene nada que ver con el cristianismo militante y europeo que dio lugar a nuestras ordenes militares, al concepto de cristiandad, a la idea de que entre los príncipes cristianos había una solidaridad común… en fin, lamisma mierda emanada del VaticanoII y de los curas que antes querían el “dialogo con elmarxismo” (no se convertían marxistas al cristianismo, pero muchos curas acababan marxistas…) pues ahora con el islam lo mismo…
en fín, otro imbécil que ayuda un poco más a que Europa se encamine al abismo… y después, cuando el lío este montado y el desastre cerca, otro descerebrado que llorará “yo no quería esto”.
En fín, a recuperar el legado de Santiago Matamoros, porque como se dice en castellano “el infierno está empedrado de buenas intenciones”

Comentar por Pepin

Amigo Pepin, nada mais a crescentar, concordo inteiramente.

Comentar por arqueofuturista

O Cristianismo é fraternalista e universalista desde as origens. Na sua própria essência está a raiz da mentalidade adversa ao Nacionalismo. As ordens militares só serviram para disfarçar a coisa, mas nunca para a alterar.

Comentar por Caturo

Amigo Caturo não sejas assim, as Ordens militares e a própria Cristandade (não confundir com Cristianismo) representaram durante muito tempo a própria Europa, demonstrando a unicidade civilizacional do continente face ao inimigo externo. A religião Cristã fora apenas mais um elo que cimentava essa unicidade.

No que concerne à essência do ideal cristão concordo contigo, a sua matriz é universalista e igualitarista, efectivamente duas ideias antagónicas com a mundovisão identitária. Porém, não poucas vezes, durante a História da Europa, essas duas características foram relegadas para plano secundário em favor da defesa e preservação da nossa cultura e civilização europeias.

Comentar por arqueofuturista

Caro Arqueofuturista, essa «aliança» entre Cristandade e Europa foi sempre interesseira. A intenção cristã nunca foi defender a Europa, mas sim fortalecer um bloco civilizacional que lhe servisse de plataforma para evangelizar o resto do mundo.

Comentar por Caturo

Prezado Caturo, o interesse é inegável, fosse da instituição Cristã, fosse por parte dos Reinos Europeus. A expansão da fé é uma característica comum a todas as religiões, a tentação hegemónica, e o Cristianismo percebeu cedo que o Islão poderia ser um forte rival. No entanto, deu-se uma simbiose entre os interesses cristãos e os interesses dos diversos Reinos Europeus que assim desejavam permanecer.

Comentar por arqueofuturista




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: